Divulgação

Na madrugada desta sexta-feira (23/10), o tenente da Polícia Militar (PM), Jalles Guimarães Dias de 57 anos, morreu por complicações causadas pela Covid-19. O tenente vivia em Araguaína, onde era pastor de uma igreja evangélica, e deixou esposa e três filhos.

O oficial iniciou na polícia quando morava em Goiás e estava na reserva remunerada desde 2013. Em nota a PM lamentou a morte do tenente, confira:

“É com imenso pesar, que o 2° BPM informa o falecimento do 2º Tenente Jalles Guimarães Dias, ocorrido na manhã dessa sexta-feira, 23 de outubro de 2020.

O militar incluiu na então PM-GO em 01/10/1985, servindo nas fileiras do 2º BPM em Araguaína, onde finalizou seu serviço ativo no ano de 2013 quando foi transferido para reserva remunerada.

Há cinquenta e sete dias se encontrava internado na UTI do Hospital Osvaldo Cruz em Palmas, após ser acometido pelo coronavírus, e infelizmente não resistiu. Ele deixa esposa, uma filha e dois filhos.

Rogamos ao Pai Celestial que conforte sua família e amigos nesse momento de tristeza e dor. “Combatido o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé”. (II Timóteo 4:7).”


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui