Divulgação

Até a tarde desta quinta-feira, 21, o Laboratório Municipal de Palmas e também os privados da cidade já realizaram 540 testes rápidos de Covid-19 e 63 testes sorológicos. O Laboratório Central do Estado (Lacen) e também os privados fizeram 1.257 exames PCR ( proteína C-reativa), que são os testes para diagnosticar a presença do vírus. Ao todo, nos laboratórios públicos e particulares já foram testadas 1.860 pessoas na Capital, destas 355 foram positivas para o novo coronavírus e 1.543 casos descartados e quatro pessoas foram a óbito.

Os dados da Secretaria Municipal da Saúde (Semus) mostram que 19,10% dos exames realizados apontaram positivo para a doença e 80,90% negativo. Sendo que 67,60% foram testes PCR; 3,40% testes sorológicos e 29% testes rápidos. O teste rápido e outras sorologias são realizados através de amostra de sangue e o PCR utiliza amostra de secreção do nariz e garganta do paciente com suspeita de Covid-19.

Em Palmas, até esta quinta-feira, 21, foram notificados para síndromes gripais  4.022 pessoas, e desse total 47% foram testados. Muitos desses casos apresentam sintomas gripais leves, porém é necessário aguardar pelo menos sete dias desde o surgimento dos sintomas para que o teste de detecção de anticorpos seja feito. Antes desse prazo os anticorpos não são perceptíveis.

O teste rápido é feito através do sangue e em até 48 horas é informado o resultado. Já o PCR é feito em até 72 horas e quem realiza é o Laboratório Central do Estado.

Para a diretora de Vigilância Epidemiológica em Saúde de Palmas, Marta Malheiros, a realização desses testes é importante porque amplia o diagnóstico da doença na cidade e a oportunidade das ações de vigilância, além de reforçar a exigência de cumprir o isolamento domiciliar. “Os testes rápidos funcionam como detectores de anticorpos da síndrome respiratória causada pelo novo coronavírus nas amostras de sangue, soro ou plasma humano”.

Testes

Nos próximos dias, a Semus também vai fazer uma pesquisa por amostragem para identificar a evolução da doença e subsidiar o poder público na tomada de outras decisões.

No final do mês passado, o Laboratório Municipal de Palmas recebeu uma nova remessa com 2.500 testes rápidos para detecção do novo coronavírus. Parte do novo estoque foi enviada pelo Ministério da Saúde e a outra parte adquirida pela Semus. A pasta aguarda também a chegada de uma nova remessa de testes nos próximos dias, o que ampliará ainda mais a capacidade de testagem do Município.

Comentários do Facebook