Suplementar

Júnior Bandeira vence eleição suplementar e é o novo prefeito de Lajeado

Opleito foi convocado após a cassação do prefeito Tércio Dias Melquiades Neto

02/12/2019 06h33Atualizado há 2 semanas
Por: Redação Sou de Palmas - A sua fonte de notícias!
324
Foto: Mayky Araújo/TV Anhanguera
Foto: Mayky Araújo/TV Anhanguera

Antônio Luiz Bandeira Junior (PSB), o Junior Bandeira, é o novo prefeito de Lajeado. O candidato teve 1.779 dos votos válidos, o que corresponde a 77,08%, e ficou em primeiro lugar na eleição suplementar realizada neste domingo (1º). O vice-prefeito eleito é José Edival Gomes Alves. Opleito  foi convocado após a cassação do prefeito Tércio Dias Melquiades Neto (PSD).

O outro candidato, Antônio Alves Oliveira (PSL), o Toninho da Brilho, teve o registro de candidatura indeferido e concorreu sub judice após apresentar recurso. Os votos dele não serão divulgados até o julgamento do recurso. Neste domingo, o candidato foi impedido de votar porque está com o título eleitoral suspenso.

Segundo informações divulgadas pelo sistema do TRE, a cidade tem 3.040 eleitores, mas apenas 2.308 compareceram. Foram computados 42 votos brancos, 91 nulos e 732 abstenções.

Junior Bandeira, o candidato eleito, é advogado, tem 64 anos e foi prefeito de Lajeado entre 2001 e 2008. Natural de Tocantínia, ele está em Lajeado há 23 anos e também concorreu a prefeitura do município nas eleições de 2012 e 2016.

A eleição suplementar contou com quatro locais de votação e 14 seções, sendo que nenhuma urna eletrônica apresentou problemas durante a votação, de acordo com o TRE.. Ao todo, 42 mesários participaram do pleito.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.