Na edição nº 100 do Boletim Epidemiológico de Palmas, o Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) traz a confirmação de 106 novos casos de Covid-19 na Capital, neste sábado, 27, após serem realizados 644 testes para detectar a doença na rotina de exames dessa sexta-feira, 26. É o maior número de casos registrados em um único dia desde o início da pandemia. A Capital soma, agora, 1.665 casos acumulados da doença, dos quais, 981 (58,9%) estão recuperados. Trinta e quatro pacientes receberam alta neste sábado.

A Vigilância Epidemiológica aponta que, até às 12 horas deste sábado, Palmas totaliza 11.585 notificações para síndrome gripal (SG), dos quais estão inclusos casos suspeitos para Covid-19, sendo que 4.951 foram descartados. Do número total de casos, 647 (38,9) pacientes estão em isolamento domiciliar e 20 (1,2%) estão internados. Até o momento, a Capital registrou 17 óbitos e a taxa de letalidade é de 1%.

Dois pacientes foram excluídos do banco de dados de Palmas, após a Vigilância Epidemiológica concluir que são residentes de Nova Olinda e Fátima, interior do Tocantins. Os dados dos pacientes foram encaminhados para o Secretaria de Estado da Saúde (SES) para enviar aos municípios de origem.

Dos 106 novos casos confirmados, todos estão em investigação e cumprem isolamento domiciliar. O Boletim Epidemiológico aponta que 16 possuem comorbidades e três possuem fatores de risco declarados para agravamento da Covid-19, ambos podem estar associados.

Testes

Na última rodada de exames da Capital foram realizados 644 testes para diagnóstico e rastreio do novo coronavírus. É importante enfatizar que a testagem de rastreio está sendo realizada em servidores da saúde, segurança pública e sistema prisional, e tem como objetivo revelar um panorama preciso sobre a situação epidemiológica na Capital. Foram feitos 418 exames de rastreio no Laboratório Municipal, desses, treze testaram positivo para Covid-19.

Já em relação aos exames de diagnósticos, foram testadas 226 pessoas nos laboratórios públicos e privados. O Laboratório Municipal fez 141 testes, obtendo 62 resultados positivos. O Laboratório Central do Estado (Lacen) testou 28 casos, com cinco diagnósticos positivos. Já os laboratórios privados e farmácias examinaram 57 pacientes e constaram 39 diagnósticos positivos.

Internações

A taxa de ocupação hospitalar em Palmas é de 47,63%. A taxa de ocupação de leitos clínicos públicos e privados é de 43,84%. Já a de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) é de 53,83%.

Na Capital, 20 pacientes residentes de Palmas com a Covid-19 encontram-se internados, sendo 12 graves e oito estáveis. Há dez pacientes residentes do município sob suspeita da doença internados. De outras localidades, Palmas possui 24 pacientes internados com a doença, sendo 12 graves e 12 estáveis. Há também o registro de quatro pacientes de outras localidades internados com suspeita do novo coronavírus.

Contágio

A respeito das possíveis fontes de contágio do total de casos acumulados, 858 (51,5%) contaminaram-se por transmissão comunitária, 527 (31,7%) tiveram contato com casos confirmados em Palmas, 118 (7,1%) estão em investigação epidemiológica, 91 (5,5%) foram infectados após viagem para outros estados, 64 (3,8%) contraíram o vírus após viagens para o interior do Tocantins e sete pessoas (0,4%) estiveram em viagem no exterior.


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui