Divulgação

O jovem Artur Sousa Aguiar foi transformado em réu, ele havia sido preso em flagrante por esfaquear a ex-namorada enquanto ela se servia em uma churrascaria de Palmas. O crime ocorrido no último dia 7 de agosto chocou quem estava no local. A jovem esfaqueada foi socorrida por um médico que almoçava no local e sobreviveu ao ataque.

Artur Sousa está detido na Casa de Prisão Provisória de Palmas desde o dia do crime. Ele vai responder por tentativa de feminicídio. No dia em que o esfaqueamento ocorreu, policiais que atenderam a ocorrência e testemunhas disseram que Artur Sousa estava inconformado com o fim do relacionamento.

Na época, ele foi imobilizado e amarrado pelos funcionários e pessoas que estavam no local. Quando a polícia chegou, foi verificado que ele também estava com uma grande perfuração na região do peito. A suspeita é que o ferimento tenha sido causado pelo próprio réu.

A denúncia sobre o caso foi apresentada pelo Ministério Público Estadual e aceita pelo juiz Marcelo Eliseu Rostirolla, da 1ª Vara Criminal de Palmas, no último dia 26 de agosto. Artur Sousa Aguiar recebeu um prazo de 10 dias a contar da notificação sobre a denúncia para apresentar o nome do advogado ou defensor público que fará a defesa dele.


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui