Divulgação

Na tarde desta sexta-feira (26/06) a Polícia Civil cumpriu um mandato de prisão preventiva na região norte de Palmas. O mandado de prisão é da Comarca de Miracema do Tocantins e foi expedido em razão do suposto crime de homicídio qualificado pelo motivo fútil, ocorrido há quatro anos e seis meses (no dia 8 de novembro de 2015), em um assentamento daquele município. Ele teria usado arma branca para cometer o crime.

O procurado pela Justiça foi surpreendido pelos agentes da Polinter e encaminhado para os procedimentos legais à sede da Unidade Policial e posteriormente à Casa de Prisão Provisória de Palmas, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui