Divulgação

Na manhã desta quarta-feira (17) dois homens foram presos pela Polícia Militar, 21 e 26 anos, no Setor Nova Muricilândia, em Muricilândia, no norte do Tocantins por tráfico de drogas e a noite, um homem de 20 anos, no Setor Martins Jorge em Araguaína, por porte ilegal de armas de fogo, todos em flagrante. Com os autores foram encontradas substâncias semelhantes à maconha e ao crack, dois smartphones, um revólver .38, marca Taurus,  quatro munições e uma quantia em dinheiro.

Após receber informações anônima de que havia um táxi GOL, estava abastecendo uma boca de fumo e que havia saído de Muricilândia. As equipes de policiais militares de Muricilândia entraram em contato com os policiais de Aragominas que conseguiram abordar o veículo e, ao realizar abordagem veicular, foi encontrada uma substância análoga à maconha de posse do condutor do táxi e uma quantia em dinheiro que admitiu ser usuário de drogas.

O homem, ao ser preso, informou conhecer o rapaz que havia gravado um vídeo que circulou nas redes sociais onde manipula uma arma de fogo afirmando fazer parte de uma facção criminosa, disse que sabia onde se encontrava a arma na cidade de Muricilândia. Ao chegar na residência, saiu um homem correndo e entrou em um matagal. Os policiais realizaram diligências nas proximidades e o homem foi encontrado e com ele uma mochila contendo algumas peças de roupas, uma porção de uma substância análoga à maconha, dez pedras de uma substância análoga ao crack, dois smartphones e uma quantia em dinheiro. O indivíduo informou que a arma de fogo, se encontrava em Araguaína.

Ao encontrar o homem na cidade de Araguaína, no Setor Martins Jorge, o mesmo sacou a arma e, para evitar uma iminente e injusta agressão, o autor foi alvejado em seu pé esquerdo, sendo detido. Logo em seguida foi acionado o SAMU que realizou os primeiros socorros e conduziu o indivíduo para o Hospital Regional de Araguaína. Durante a abordagem foi encontrado com o autor um revólver . 38, marca Taurus e quatro munições intactas.

O homem, as substâncias entorpecentes, os dois smartphones, a arma de fogo calibre .38, a quantia em dinheiro e as munições foram conduzidos à Central de Flagrantes para os procedimentos legais.

Divulgações
Divulgações

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui