Divulgação

O prédio da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Norte em Araguaína está passando por obras de manutenção. No local será instalado um hospital de campanha que abrigará pacientes com sintomas moderados do novo coronavírus.

Em todo o Tocantins, são 12 casos confirmados, sendo nove em Palmas e três em Araguaína. Segundo a prefeitura, o local tem várias salas com encanamento de ar comprimido, sendo 17 pontos onde podem ser acomodados os pacientes. Além da limpeza do chão, paredes e teto, o prédio receberá também pintura nova e troca de itens danificados.

“Vamos deixar tudo preparado para, caso o Governo do Estado identifique a necessidade de funcionamento, implantarmos. É claro que essa decisão deve ser breve, porque precisamos fazer o treinamento das equipes”, disse o prefeito da cidade Ronaldo Dimas. Segundo o prefeito, caso não seja necessário o uso do hospital de campanha, o local será usado como Unidade Básica de Saúde.

O município informou ainda que no Hospital Municipal de Araguaína, dois leitos com respiradores estão preparados, com a possibilidade de ampliação de mais um. O atendimento do hospital é para crianças, mas há possibilidade do recebimento de adultos, excepcionalmente neste período de pandemia.

Já no Hospital Dom Orione está em andamento a implantação de 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Araguaína utilizada para estabilização existe um leito com respirador preparado, destinado somente à estabilização e posterior encaminhamento do paciente.

Comentários do Facebook