A Secretaria de Estado da Saúde alertou a população que tem entre 20 e 49 anos para procurar as unidades básicas de saúde e receber a vacina conta o sarampo. O Tocantins teve pouco mais de 59,8 mil doses da vacina contra a doença aplicadas até o momento.

A campanha segue até o dia 31 de agosto. “A campanha foi prorrogada devido à baixa procura por parte do público-alvo pela vacina. Sabemos que estamos passando por um momento crítico, mas não podemos deixar de nos preocupar com as outras doenças que estão aí”, comentou gerente de imunização da SES, Diandra Rocha.

A gerência de imunização da SES informou que o Tocantins teve um caso confirmado de sarampo recentemente. Todos os municípios têm doses da vacina disponíveis.

“A gente pensa que com essa nova vacinação é o momento de proteger a nossa população, e estar evitando que novos casos apareçam aqui no Estado, e a única maneira de proteger contra o sarampo é realmente através da vacinação”, alertou.

A doença

O sarampo é uma doença grave que pode deixar sequelas por toda a vida ou causar morte. De acordo com o Ministério da Saúde, a transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por via aérea, ao tossir, espirrar, falar ou respirar. A doença é tão contagiosa que um paciente pode transmitir para 90% das pessoas próximas que não estejam imunes.

A transmissão pode ocorrer entre 4 dias antes e 4 dias após o aparecimento das manchas vermelhas pelo corpo. A vacina é a única maneira de evitar que isso aconteça. A Tríplice Viral além de proteger contra o sarampo, também protege contra a rubéola e caxumba.


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui